Irenice, mulher negra

Toda a força de “Procura-se Irenice” está no gesto de “desapagamento”, de tirar da lata do lixo as páginas rasgadas que continham o nome dela, de dizer: ela existe, ela tem história.

Anúncios